Sejus recebe primeiras aquisições feitas com recursos do Fundo Penitenciário

23 de Abril de 2018

O sistema penitenciário cearense começa a receber as primeiras aquisições feitas com recursos do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen). Nesta semana, a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado recebeu as primeiras 300 pistolas adquiridas com a verba federal. O material foi entregue ao Grupo de Apoio Penitenciário (GAP) para a custódia. A secretária da Justiça e Cidadania, Socorro França, e Alexandre Leite, coordenador operacional do sistema prisional, assinaram documento delegando a custódia do material ao Grupo.

 

As pistolas entregues fazem parte das aquisições previstas com recursos referentes a 2016. Além delas, outras 612 armas estão sendo adquiridas com esse mesmo recurso. Ao todo, a Sejus está investindo R$ 3,74 milhões em armamento. Serão adquiridas pistolas, espingardas e carabinas, todas necessárias à segurança das unidades prisionais.

Também já foram adquiridos coletes balísticos, munições e ambulâncias. Esse material, entretanto, ainda não foi entregue à Secretaria.

Para a titular da Sejus, Socorro França, a aplicação desse recurso fará toda a diferença nas melhorias do sistema penitenciário. “Fizemos um detalhamento dos investimentos e apresentamos ao Departamento Penitenciário Nacional (Depen), setor do Ministério da Justiça responsável pela administração prisional. Tivemos a aprovação dos gastos e agora estamos executando tudo que foi previsto. Não temos dúvidas que esse investimento será um grande ganho para o sistema cearense”, pontua.

A Sejus recebeu do Funpen o total de R$ 74,3 milhões a serem investidos no sistema penitenciário cearense. O montante será aplicado na construção de uma unidade de segurança máxima com capacidade para 168 internos, na reforma de unidades prisionais, na compra de algemas, armamentos, coletes e veículos, além de capacitação de agentes penitenciários.